terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

O Carnaval já não mora aqui

 
 
 
 

...na minha cabeça,no meu espírito. Em miúda gostava,claro,da festa,da paródia,das patetadas de miúdos e graúdos,mascarava-me e assim andava durante 3 dias. Morava "ao lado" do carnaval de Ovar e todos os anos,em tenra idade,lá estava eu a marcar presença assídua.
Depois cresci,descobri que na vida real também podemos andar "mascarados" e que há episódios verídicos que conseguem ser completamente carnavalescos, que nos fazem procurar outro tipo de subterfúgios lúdicos / diversão.
Eu estou nessa "onda" há já muito tempo.
Agora o carnaval é dela,da miúda cá de casa,a quem os momentos de patetadas e diversão não serão poupados,até ela se fartar e os seus gostos derem lugar (ou não) a outro tipo momentos prazeirosos.
Afinal,o importante é ser feliz e fazermos felizes aqueles que amamos,não é verdade ?  :)

Sem comentários:

Publicar um comentário