sexta-feira, 1 de janeiro de 2016

mais poesia por favor



não há melhor forma de recomeço, do que fazer algo que se gosta, estar com quem mais se gosta, rodeada pelo que mais gosto.
não há melhor forma de recomeço, do que acordar com a chuva e o vento na janela, a lembrarem que apesar de tudo é inverno e que a primavera dos dias somos nós que a trazemos até nós.
bebi com a moderação que me satisfez, mas começo o ano a embriagar-me nas palavras que me sustêm a alegoria dos momentos.
quero-as tanto.
muito.
e ouvi dizer que quando se quer assim tanto, as coisas acontecem por bem.

hoje é o primeiro dos dias e, tal como todos os recomeços sinceros, só quero que venha por bem.


 

Sem comentários:

Publicar um comentário