quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Quando no final,tudo vale a pena


Porque há dias em que acordamos com a "telha" e tentamos combater esse estado de espírito com todos os escudos,armas e subterfúgios,ao longo de todo o dia,
Porque a vida não pára e consequentemente,a par de momentos muito bons,há sempre problemas,chatices e aborrecimentos (alguns deles evitáveis,é certo,mas também certo é que tal evitabilidade me ultrapassa) e tenta-se sempre sempre maneira de "dar a volta por cima",
Porque há noites mais mal dormidas do que outras e o estado de irritabilidade e de concentração persistem em tomar conta de nós...mas nós tentamos que a boa disposição impere,
Porque tantas vezes se chega ao final de um dia,espreme-se tudo aquilo que tinhamos em mente fazer...e o sumo que jorra de trabalho feito é escasso,mas como diria a Scarlet O'Hara no final do "E tudo o vento levou" : "...after all,tomorrow it's another day".

E no fim de cada um destes dias e de todos os outros em que tudo corre melhor,é olhar simplesmente para a minha filha e a conclusão é única,básica,indiscutívelmente coerente:
Valeu tudo a pena.

Sem comentários:

Publicar um comentário