sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

as inexplicáveis melancolias

não gosto de Janeiro. Não sei explicar porquê, mas eu e esta altura do ano nunca fomos amigos inseparáveis.
há um misto lúgubre de cinzento e tristeza nestes primeiros dias, como se o êxtase das festas ainda em fase de rescaldo caísse lá em baixo tal bola de chumbo, como se tudo aquilo que há de menos bom a acontecer durante um ano inteiro, acontecesse precisamente em Janeiro.
na verdade, só começo a gostar do ano a partir de Março, quando parece haver uma mão cheia de sementes auspiciosas no ar.
e isto é um sentimento estranho, que me incomoda, principalmente porque se já tive muita coisa desagradável a acontecer em Janeiro, também me lembro de coisas boas e positivas a acontecerem-me noutros Janeiros.
sei lá, são desabafos e os desabafos são como as opiniões:
valem aquilo que valem.

entretanto apaixonei-me por isto

whatever.
são melancolias típicas dos recomeços.



Sem comentários:

Publicar um comentário